Cross Docking

Recebimento e redirecionamento de mercadorias sem a necessidade de armazenagem, reduzindo custos e tempo do processo.

O mundo dos negócios, atualmente, exige operações logísticas mais rápidas e de menor custo, capazes de suportar o mercado e gerenciar fornecedores e clientes, viabilizando práticas como o “Just-In-time”.

O cross docking é um processo de distribuição no qual a mercadoria recebida é redireccionada sem a necessidade de armazenagem, normalmente com elevado índice de giro e de perecibilidade. Apenas cruzam o armazém e vão direto para os pontos de venda.

O objetivo é diminuir o estoque, aumentando o fluxo de mercadorias entre o fornecedor e o cliente e a sincronização entre o recebimento e a expedição.

Existem três pontos importantes para uma operação de cross docking:
• O tempo total de permanência do produto nos locais onde ocorrem o processo deve ser levado ao mínimo.
• Após o recebimento, a mercadoria deve ser enviado diretamente ao veículo de saída ou permanecer em uma área de picking, mas nunca pode ser estocado.
• É indispensável um sistema capaz de coordenar as trocas de produtos e informações dos diferentes participantes dessa operação.

O cross docking tem como benefício: aumentar a velocidade do fluxo de produtos; reduzir custo com manuseio; permitir a consolidação eficiente de produtos; reduzir a necessidade de espaço, de danos causados aos produtos por causa de sua movimentação e de problemas resultantes de prazo de validade dos produtos; além de diminuir os processos associados ao estoque.

Expedição

O serviço de expedição garante que toda a mercadoria carregada, siga na distribuição devidamente conferida, identificada e com todos os documentos necessários.

A expedição é moldada conforme as necessidades de cada cliente, e se encarrega de criar uma logística que possa potencializar e aumentar a eficácia nas entregas, mantendo a pontualidade e as expectativas do recebedor.